Porto Velho (RO) sábado, 19 de junho de 2021
×
Gente de Opinião

Opinião

Você tem medo de CPI?


Você tem medo de CPI? - Gente de Opinião

Se a pergunta fosse feita a um cidadão comum, acostumado a viver com o suor do próprio rosto, cercado de dificuldades por todos os lados, a resposta, com certeza, seria não; porém, se ela fosse dirigida àquele tipo de político profissional, habituado a viver à tripa-forra do dinheiro público, a resposta, de tão óbvia, parece-me desnecessária. Os exemplos estão aí para quem quiser vê-los. Não é preciso ir muito longe.

Ensina o dito popular nada temer quem nada deve. Portanto, quando um político, suspeito de ilicitude, decide agarrar-se a chicanas legislativas ou até mesmo jurídicas para tentar impedir o curso natural de uma investigação, é sinal de que existe alguma coisa de estranha no ar. Atribui-se ao filósofo Platão a frase segundo a qual é compreensível perdoar uma criança que tem medo do escuro; inaceitável, contudo, é quando o homem tem medo da luz, isto é, da verdade.

Já escrevi aqui sobre os benefícios que algumas CPI’s trouxeram ao país. É bem verdade que muitas delas extrapolaram os limites técnicos de seu conceito, enquanto outras viraram sinônimo de pregação política e a defesa de interesses eleitoreiros e fisiológicos. Realce-se, porém, que, foi por meio de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, que um corrupto foi afastado da presidência da República e gangs foram desbaratadas, como a dos anões do orçamento e das ambulâncias.

Nos dias que se vão, o que tem de políticos correndo de um lado para o outro, interpondo um recurso atrás do outro, aqui e acolá, para tentar impedir a apuração de denúncias graves que lhes pesam sobre os ombros, não é brincadeira. Se conseguirão êxito ou não em suas empreitadas, o tempo encarregar-se-á de provar. Aguardemos, pois, o desenrolar dos acontecimentos.

Mais Sobre Opinião

Uma CPI para investigar a CPI

Uma CPI para investigar a CPI

Houve uma época em que CPI era sinônimo da busca da verdade, da correção de rumos. De uns tempos para cá, porém, algumas CPI’s viraram instrumentos

Sentença de morte

Sentença de morte

A princípio não acreditei, mas logo a ficha caiu. E aí, o susto. Meu Deus! Quantas pessoas ainda vão precisar morrer para que alguns de nossos dirig

A luta intercultural numa terra ainda patriarcal + Das andanças da justiça na Quinta Lusitana

A luta intercultural numa terra ainda patriarcal + Das andanças da justiça na Quinta Lusitana

A LUTA INTERCULTURAL NUMA TERRA AINDA PATRIARCALIsraelitas e Ismaelitas lutam por Canaã a terra prometida a AbraãoPor António JustoA guerra faz-se em

Va', pensiero, sull'ali dorate

Va', pensiero, sull'ali dorate

Semana passada, numa espécie de patuscada entre o presidente da Argentina e o premier da Espanha, Pedro Sánchez, foi dita uma frase, deturpada do es