Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Esporte

Escolinha de futsal do Laura Vicuña disputa torneio no Dom Bosco

Garra e determinação não faltaram aos meninos da escolinha de futsal do Instituto Laura Vicuña - ILV, que na tarde do último sábado, 26, enfrentaram três equipes na quadra do Colégio Dom Bosco, na capital.


Escolinha de futsal do Laura Vicuña disputa torneio no Dom Bosco - Gente de Opinião

Sob a orientação do professor Daniel, a equipe formada pelos atletas Leandro, Carlos Eduardo, o Dudu, Pedro, Daniel Vitor, Frederico e Davi, começou bem o torneio vencendo a primeira partida pelo placar de 2 a 1. Porém, apesar do esforço, o time o ILV perdeu as duas partidas seguintes, ficando em terceiro lugar na primeira fase do torneio na categoria entre 8 e 9 anos. 

 

O calor intenso, o cansaço e o nervosismo prejudicou um pouco a equipe, que apesar de visível superioridade na quadra, acabou perdendo ótimas oportunidades de marcar, por conta de malabarismos desnecessários e a fome de bola de alguns dos jogadores, que querendo fazer jogadas individuais, perdiam a bola, possibilitando os contra-ataques das equipes adversárias. As derrotas aconteceram nos segundos finais e por conta de vacilos na marcação. 

 

Na arquibancada, claro, a presença massiva dos pais dos serviu de incentivo para todos os times. A torcida de papais aos gritos e mamães aflitas, deu um colorido especial ao torneio com tanta agitação. Todos os lances eram acompanhados com ansiedade e muitos até gravaram cada jogo com celulares. Os gols, quando aconteciam, a gritaria, assobios e palmas tomavam conta da arquibancada e incentivava os pequenos na quadra a darem o melhor de si em cada partida.

 

A arbitragem ficou a cargo do professor Edivan Melo. Sempre atento e implacável na marcação e pronto para fazer valer as regras. Apesar de alguns jogadores abusarem um pouco de lances desleais, os jogos transcorreram sem problemas e sem dores de cabeça para o árbitro. 

 

O torneio foi mais um aprendizado para os jovens atletas do ILV, que melhoram a cada treino, cada partida e a cada participação em torneios. Ganhar mais experiência, maior entrosamento, mais toques de bola e menos individualismo em quadra, fará essa equipe se tornar quase invencível e os resultados serão ainda melhores. 

Mais Sobre Esporte

VAR no Brasileirão 2020: tempo gasto cai mas paralisações disparam

VAR no Brasileirão 2020: tempo gasto cai mas paralisações disparam

A tecnologia do árbitro de vídeo (VAR) ainda divide opiniões entre os torcedores no Brasil. A arbitragem de vídeo tupiniquim anda sofrendo principal

Semisb entrega obras dos campos sintéticos em Porto Velho e União Bandeirantes

Semisb entrega obras dos campos sintéticos em Porto Velho e União Bandeirantes

Nessa semana, a Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer recebeu a conclusão das obras dos campos sintéticos do