Porto Velho (RO) segunda-feira, 19 de abril de 2021
×
Gente de Opinião

Montezuma Cruz

Cultura - De luto


Cultura - De luto - Gente de Opinião

Num dia, o presidente da república faz desbragados elogios ao seu secretário nacional (cargo equivalente ao de ministro) da cultura e garante que ele, finalmente, vai iniciar uma verdadeira política cultural no Brasil, destinada aos conservadores e religiosos, que constituem a maioria da população do país, e não a uma minoria esquerdista.

No dia seguinte, relutantemente, acuado e sem alternativa, o presidente é obrigado a demitir o auxiliar que tanto prestigiara, sem assumir a responsabilidade pela escolha, sem sequer receber o cidadão que, na véspera, levara ao Palácio do Planalto para apresentá-lo pessoalmente à sociedade com um ar de confiança e de triunfo.

A culminação do grotesco, triste e revoltante episódio, repudiado unanimemente pelos que se manifestaram publicamente a respeito, no Brasil e pelo mundo, humilhou o país junto à comunidade internacional e materializou uma opção explícita ao nazifascismo que nem no Estado Novo, sob a ditadura de Getúlio Vargas, no fragor da radicalização ideológica entre diversas formas de fascismo e de democracia entre a primeira e a segunda guerra mundial,, se expressou com tal desenvoltura.

Os pró-Alemanha de então tinham, ao menos, o ligeiro e superficial atenuante de que a feição real do nazismo de Hitler ainda era pouco conhecida. O extermínio dos judeus, num dos mais tnebrosos momentos da história da humanidade, não se revelara ainda.

O pronunciamento de Roberto Alvim, com a cenografia da propaganda totalitária e a linguagem do autoritarismo ensandecido, além de tudo primário e ignorante, deve ter feito muita gente se perguntar: de que esgoto saiu esse rato? De que caverna surgiu esse ser antediluviano? Que restos de gente Jair Bolsonaro revolve no lixo humano para lhe dar o status de autoridade pública? Quais gangues e quadrilhas está reativando com seu poderoso endosso?

De um governo que tem como ideólogo uma pessoa como Olavo de Carvalho, independentemente do que pensa, incapaz de ser levado a sério pelo que diz, tão disparatado que só quem não leu os textos dos autores que ele cita levianamente, como se proferisse anátemas inquisitoriais ou editos reais, não se pode esperar nada de aproveitável (ou recuperável) em matéria de cultura, liberdade, criatividade, pluralidade e diversidade. Nada mesmo.

O ex-capitão Jair Messias Bolsonaro ganhou legalmente e legitimamente a eleição de 2018 e merecia tomar posse, implantando o seu governo, conservador ou mesmo de direita. Mas não tinha o direito de escarnecer a nação, envergonhar o povo brasileiro e deixxando-o num vácuo de significado e de expressão.

Bolsonaro colocou o Brasil de luto.


* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Montezuma Cruz

Álvaro Dias sugere curso para tomadores de empréstimos aprenderem mais sobre conservação ambiental

Álvaro Dias sugere curso para tomadores de empréstimos aprenderem mais sobre conservação ambiental

O senador Álvaro Dias (Podemos-PR) propôs esta semana ao Plenário a alteração da Lei nº 6.938, de 1981, que dispõe sobre a Política Nacional do

Marcha para Jesus agora é Patrimônio Imaterial de Rondônia

Marcha para Jesus agora é Patrimônio Imaterial de Rondônia

A Marcha para Jesus, evento que reúne milhões de pessoas no mundo e, pelo menos, 103 mil pessoas em Porto Velho, é agora Patrimônio Cultural e I

Guajará-Mirim é top na culinária e na solidariedade com sua vizinha, no Beni

Guajará-Mirim é top na culinária e na solidariedade com sua vizinha, no Beni

O incêndio é do lado de lá, quem socorre são os bombeiros brasileiros de cá. Safras agrícolas de Guayaramerín (Beni) para exportação entram pelo rio

Professor de Física publica artigo científico sobre o quarto estado da matéria, o plasma

Professor de Física publica artigo científico sobre o quarto estado da matéria, o plasma

Professores de Física em Porto Velho Professor publicaram na revista The Brazilian Journal of Development o artigo científico intitulado "Construção d