Porto Velho (RO) quinta-feira, 29 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Luciana Oliveira

OPERAÇÃO BERTHOLLETIA: PF desmonta organização criminosa de exploração ilegal de madeira


OPERAÇÃO BERTHOLLETIA:  PF desmonta organização criminosa de exploração ilegal de madeira - Gente de Opinião

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira (17.07.2020), a denominada OPERAÇÃO BERTHOLLETIA, visando dar cumprimento a 08 (oito) mandados de prisão preventiva e 08 (oito) mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 3ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho/RO.

Trata-se de ação ostensiva realizada nesta data, no contexto das ações da “Operação Verde Brasil 2” e em decorrência de investigação da Polícia Federal na “Operação Inimigos da Tora”, realizada no mês de maio de 2020, visando a prisão e desarticulação de organização criminosa dedicada à exploração ilegal de madeira da área de preservação da Floresta Nacional do Jacundá, em especial na região da Vila Nova Samuel, distrito de Candeias do Jamari/RO. Todos os mandados judiciais estão sendo cumpridos no citado distrito.

As investigações tiveram início com o desmatamento e furto de madeira da Floresta Nacional do Jacundá, sendo que os mandados estão sendo cumpridos em face de organização criminosa ali instalada, que opera na extração ilegal de madeira, praticando ainda falsificação de créditos florestais a fim de dar aparência lícita a tais recursos naturais.

Após a primeira fase da operação, que contou com o apoio do Exército, ICMBio, SEDAM/RO e Polícia Militar Ambiental/RO, e teve como foco as pessoas jurídicas (madeireiras) da região, da análise de celulares e documentos apreendidos resultou a identificação de pessoas físicas que lideram o grupo da extração ilegal da FLONA Jacundá e o transporte da madeira (“toreiros”).

Os presos serão ouvidos na sede da Polícia Federal e responderão pelos crimes de organização criminosa, extração ilegal e furto de madeira, falsidade ideológica, inserção de dados falsos e lavagem de capitais.

O termo “Bertholletia” é o nome científico da árvore Castanheira, cuja extração e comercialização é vedada, mas que foi encontrada nos pátios de diversas madeireiras alvo de buscas da primeira etapa da operação.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Luciana Oliveira

COVID-19 se espalha no território indígena Paiter Surui em Rondônia

COVID-19 se espalha no território indígena Paiter Surui em Rondônia

Lideranças do povo que vive na Terra Indígena Sete de Setembro próxima ao município de Cacoal em Rondônia, pedem ajuda em vídeos e carta à sociedade p

Luciana Oliveira debate em seu blog  sobre a Sáude Pública e a pandemia em Porto Velho

Luciana Oliveira debate em seu blog sobre a Sáude Pública e a pandemia em Porto Velho

Nesta sexta-feira, 7, o BLOG DA LUCIANA OLIVEIRA vai falar de saúde pública,  da pandemia, especificamente do seu impacto em Porto Velho que segundo b

Brigada NINJA Amazônia lança série documental nesta sexta (17)

Brigada NINJA Amazônia lança série documental nesta sexta (17)

Depois de percorrer cinco estados, a Brigada NINJA lança a série documental que denuncia a destruição das florestas da Amazônia e do Cerrado, biomas d

Alerta: Comunidade de indígenas e quilombolas registra primeira morte por Covid-19 em Rondônia

Alerta: Comunidade de indígenas e quilombolas registra primeira morte por Covid-19 em Rondônia

A pandemia do novo coronavírus registrou a primeira vítima da comunidade tradicional multiétnica Rolim de Moura do Guaporé, onde vivem indígenas e qui